Post Jobs

Home Office: vilão ou solução?

A possibilidade de trabalhar em casa (home office) em alguns dias no mês já é uma realidade para muitos profissionais brasileiros. Porém, aqui no Brasil, a demanda por esta prática é muito maior do que a oferta. Segundo pesquisa realizada pela Robert Half, 96% dos profissionais brasileiros são favoráveis ao home office.

Nos Estados Unidos, 89% das empresas norte-americanas já possuem políticas estruturadas para o home office. Porém, aqui no Brasil, ainda caminhamos para uma estruturação dessas práticas, até porque tivemos as primeiras definições legais sobre este modelo de trabalho há não muito tempo

Mesmo caminhando para uma estruturação das práticas de home office e um aumento na utilização deste modelo de trabalho é importante lembrar que o Brasil precisará de, pelo menos, dois anos para avaliar e entender como estas práticas podem ser benéficas ou trazer algum prejuízo para a empresa e para os colaboradores. Isto ocorre porque qualquer processo de mudança possui uma curva de adaptação que varia de acordo com a cultura do país, a maturidade da empresa e as características de negócio.

Vagas

Isto pode ser melhor compreendido avaliando os resultados da pesquisa da Organização Internacional do Trabalho (OIT), em parceria com a Fundação Europeia para a Melhoria das Condições de Vida e de Trabalho (Eurofound), que revelam que a utilização de home office pelos colaboradores das empresas varia bastante pelo mundo, indo de 2% a 40% dependendo do país.

Sendo assim, é importante empregador e empregado avaliarem os prós e contras da utilização de home office para que ninguém saia prejudicado neste processo e utilizem esta prática sem riscos para as operações organizacionais e para a vida pessoal dos profissionais.

 

_

Sobre o autor
Allan Lopes é  Coaching Sistêmico, membro da Internacional Coach Federation, Master Practitioner em PNL e especialista em gestão de performance e em processos de mentoring e coaching aplicados ao ambiente corporativo. Sócio da Soar Desenvolvimento Humano e responsável pela área de Consultoria em Recursos Humanos.

O post Home Office: vilão ou solução? apareceu primeiro em Portal Carreira & Sucesso.

Fonte: https://www.catho.com.br/

Ultimas Vagas

Comentários no Facebook